Diário da Gratidão estilosugar

Diário da Gratidão: você já experimentou?

Especialistas afirmam que uma das chaves para o bem-estar é aprender a se tratar com mais compaixão. E, um dos exercícios que contribuem para essa sensação é o “diário da gratidão”, uma ferramenta que ajudará você a manter o foco e a se reconectar consigo mesma, mantendo uma atitude positiva.

Não faz diferença se você usará um moleskine com páginas em branco, um diário com cadeado ou até mesmo um aplicativo. O importante é anotar todos os gestos ou sensações vivenciadas que tenham transmitido o sentimento de gratidão: ocasiões em que outras pessoas foram gentis com você mesmo sem necessidade, o recebimento de um presente ou de um elogio inesperado, a oportunidade de apreciar um pôr do sol.

Vá registrando as coisas pelas quais você é grata, sem que isso se transforme em um fardo ou uma grande responsabilidade. Pense nos seus pequenos prazeres daquele dia, nas pessoas que foram importantes, nas suas forças e talentos que fizeram a diferença, nos momentos de beleza e nos gestos de bondade dos outros.

Um poderoso exercício para a cura emocional, os diários de gratidão servem como antídoto para momentos e pensamentos ruins, para quando você achar que não é boa o suficiente, para quando estiver triste. Oprah Winfrey, famosa apresentadora de televisão, atriz e empresária, é adepta do diário e, em 12 de outubro de 1996, escreveu nele:

    • Uma corrida ao redor da Ilha Fisher, na Flórida, com uma leve brisa;
    • Sentada em um banco ao sol, comendo um melão gelado;
    • Uma conversa longa e hilária com Gayle sobre seu encontro às cegas;
    • Um sorvete tão doce que, literalmente, lambi os dedos;
    • Maya Angelou ligando para ler um novo poema.

No final do dia, você poderá também ser citada no diário de outra pessoa, desencadeado uma reação de gratidão em cadeia. Quer energia melhor do que esta, baby? Experimente!

0 0
Article Rating
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários