vinho estilosugar

Vinho pode ser combinado com pratos rápidos, sim!

Você sabia que o vinho pode acompanhar diversos pratos? Dos mais simples aos mais elaborados. De acordo com Maurício Dobis, chef do Alegra, muitas harmonizações podem ser feitas inclusive no inverno.
Essa bebida pode ser degustada inclusive em reuniões simples ou eventos mais luxuosos. “Quem nunca desfrutou uma taça após um longo dia de trabalho, em frente à TV apenas para relaxar?”, lembra o especialista.
Os diversos rótulos disponíveis no mercado possibilitam a criação de combinações que agradam todos os paladares. “Algumas harmonizações são garantidas na hora de unir vinhos e acompanhamentos. Uma delas é unir pizzas de calabresa, lombo e bacon com vinhos leves, como o Xerez ou até mesmo com um vinho frutado e harmonioso, como o Carménère – comum nas vinícolas do Chile”, ensina Maurício..
Para os que preferem uma combinação mais sofisticada, uma opção é servir uma tábua de fatiados (como salame, lombo e copa) acompanhada de um vinho frisante estilo Lambrusco, que fresco ou com um pouco de gás, cumpre a função de limpar o paladar e ainda complementa os embutidos com traços de taninos e frutados discretos. “Além disso, tem um custo acessível e um sabor delicado, que agrada aos paladares mais sensíveis”, ressalta o chef.
Quem disse que um vinho não pode acompanhar um sanduíche de salame ou de presunto defumado? “Nesse caso, a melhor opção é servir um vinho tinto leve, como um Bardolino ou um Pinot Noir. Independente da escolha, que pode até contemplar um vinho branco ou um espumante, a ideia é aproveitar o Dia do Vinho para apreciar um clássico ou conhecer novos sabores”, finaliza.

Renata Rode

0 0
Article Rating
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários