namoro relacao relacionamento virtual internet distancia web online computador

Estudos veem benefícios em namoro virtual

Você acredita que namorar online é coisa de “mentirinha”? Melhor pensar de novo: estudos que falam sobre o comportamento humano de homens e mulheres apontam fatos tão reveladores que defendem que um relacionamento virtual pode proporcionar momentos ainda mais reais do que nas relações tradicionais. Por quê? Estes são os três argumentos mais fortes:

1. Estabelece relações bem-humoradas

Naturalmente, nós somos atraídos por pessoas bem-humoradas. Ser espirituoso suaviza as coisas da vida e a deixam mais brilhantes, criando, assim, um senso de intimidade e camaradagem.

Na linha científica, o humor pode ser uma forma de ocultar uma insegurança e se afastar de sentimentos mais profundos. Mas, em um namoro online, o humor deve conduzir a um sentimento de pertencimento a uma só verdade: o compartilhamento de duas pessoas que sabem que a distância física pode ser suprida pela graça de estar um com outro virtualmente ou “quase fisicamente”.

2. Facilita o caminho de pessoas ansiosas

Entrar em um primeiro ou segundo encontro e se deparar com alguém que fala pouco pode ser um sinal vermelho. A ciência explica que muito da autorrevelação surge nos estágios iniciais dos encontros, mas que até conseguirem se extravasar, pessoas inseguras e ansiosas podem sofrer. Dizem alguns pesquisadores que somente mais tarde é que os relacionamentos se estabilizam e que a ansiedade se torna frequentemente um incômodo para os parceiros.

Aqui está a deixa: relacionar-se online é tão real porque há essa abertura mais natural. A não presença física é compensada com a presença virtual que facilita a comunicação. Namorar online pode dissipar a ansiedade na medida em que se adapta um canal propício para essa dissipação.

3. Expõe as diferenças mais depressa

Pesquisadores têm traçado o mapa e os perigos de pessoas com estilos de expressão ou comunicação muito distintos. Existem os mais inibidos, os mais arrojados (“sem papas na língua” como se diz)… Pode ser um paradoxo, mas os estudos apontam que no começo do namoro o contraste entre pessoas é mais tolerável. Contudo, o problema está no depois, levando a avaliações que podem magoar um e outro, sobretudo se forem volúveis ou sensíveis a críticas e impressões.

Um namoro online tem lá seus tons diferenciados. Os contrastes tendem a desaparecer à medida que o contato ganha ainda mais intimidade. Namorar online permite que se preste atenção ao conteúdo e também no estilo de sua comunicação com o parceiro. Isso vai evitar um desgaste futuro no relacionamento se ele vier a progredir.

2 Comentários

Vagner

23/08/2016

Namorar pela internet será que dá certo?

Wallace

01/09/2016

Bom artigo.

Escreva uma resposta ou comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.