jejum intermitente fitness dieta dicas

Jejum intermitente: um novo estilo de alimentação

Você já ouviu falar em jejum intermitente ou intermittent fasting? Trata-se de um método de emagrecimento que não é considerado dieta e pede acompanhamento médico e de nutricionistas. É basicamente um estilo de alimentação, que pode ser um pouquinho polêmico, adotado por divas como Sabrina Sato, Juliana Paes e Deborah Secco.

O que esse método faz no nosso corpo?

Quando jejuamos, nosso corpo altera os níveis de hormônios secretados para tornar a gordura armazenada disponível para as células usarem como energia. Além de ajudar a emagrecer, o jejum intermitente traz vários benefícios à saúde. Ele baixa o nível de insulina, reduz inflamações, fortalece o coração, previne cânceres, retarda o envelhecimento e protege o cérebro.

Como fazer o jejum intermitente?

Há várias maneiras de fazer esse método. Você pode jejuar todas as semana ou alterná-las. Iniciantes devem intercalar mais os dias e ir testando, até se adaptarem.

De qualquer jeito, é preciso que um médico ou um nutricionista acompanhe quem decide adotar esse estilo nutricional. Algumas pessoas podem ter queda brusca da glicose e da pressão, levando à fraqueza, à hipoglicemia e à tontura. Além disso, pode haver uma compulsão alimentar à noite. Principalmente, um desejo absurdo e incontrolável por carboidratos.

Por isso, o jejum intermitente é indicado apenas para pessoas maiores de 18 anos, saudáveis e que praticam exercícios físicos regularmente. Se interessou? Antes de resolver fazê-lo, procure seu médico. 😉

0 0
Article Rating
Se inscrever
Notificar de
guest
0 Comentários