entrevista estilosugar

Como se preparar para uma entrevista de emprego

Como não ficar ansiosa neste momento? Além de disfarçar o nervosismo, selecionamos algumas dicas importantes do consultor Thomas Case, autor do livro “Como conseguir um ótimo emprego”, que poderão ajudar você a conquistar aquela posição que tanto deseja!

Antes de tudo, busque informações sobre a empresa: quais os produtos ou serviços oferecidos, mercado (s) em que atua, concorrentes, número de funcionários, história da empresa, estratégias, campanhas. Faça uma pesquisa no site da empresa e também nas notícias publicadas pela mídia.

O seu currículo já informou sobre sua formação e experiência. Agora é a hora de mostrar quem você é! Segundo os entrevistadores, os perfis abaixo costumam ter maior destaque:

  • Energético: quanto mais vigor e disposição para trabalhar, melhor.
  • Motivado: entusiasmo para superar dificuldades é uma qualidade requisitada.
  • Persistente: não desiste de tarefas até atingir o objetivo.
  • Responsável: ninguém gosta de funcionários que não assumem responsabilidades.
  • Honesto: não adianta apenas ser e parecer honesto. É bom apresentar referências que comprovem sua integridade.
  • Dedicado: vestir a camisa da empresa é peça fundamental.
  • Analítico: inteligência e discernimento na hora de tomar decisões são um diferencial.
  • Orientação para objetivos: funcionários dispersivos não crescem na carreira.

Como se comportar na entrevista:

  • Seja positiva e otimista.
  • Não feche portas. Se o entrevistador perguntar se você mudaria de cidade, diga que pode pensar a respeito. Dependendo da oferta, pode valer a pena.
  • Não fale mal de seus chefes anteriores ou de quem quer que seja.
  • Responda com base na filosofia da empresa.
  • Deixe claro que você procura um desafio e envolvimento no trabalho.
  • Seja sempre objetiva. Quem dá respostas vagas, perde credibilidade.
  • Evite dar respostas curtas demais, como sim e não. Aproveite para comunicar suas qualidades, resumidamente.

Respostas para as perguntas mais frequentes

  • Por que está deixando seu emprego atual? Caso esteja empregada, diga que busca novos desafios e oportunidades. Não fale mal da empresa atual. Se estiver desempregada, conte a verdade. Se tiver sido demitida por um corte de custos, diga isso com todas as letras. Se o motivo for outro, diga que cometeu um erro – o de não ser suficientemente diplomática, por exemplo – aprendeu a lição e não o cometerá novamente. Essa resposta deve ser a mais curta possível.
  • Quanto quer ganhar? Se você está empregada, seu poder de negociação é grande e poderá dizer que espera ganhar mais do que hoje (remuneração direta e benefícios). Evite dar uma cifra. Deixe isso para a hora em que a oferta de emprego chegar. Se estiver desempregada, a melhor resposta é: “sou flexível. Gostaria de ganhar de acordo com o mercado. Em meu último emprego ganhava x”.
  • Quais seus objetivos de longo prazo? Seja direta: ser diretora de atendimento, por exemplo.
  • Quais seus objetivos de curto prazo? Seja específica: ser gerente de vendas, por exemplo.
  • O que você procura num emprego? Desafio, envolvimento e chance de contribuir com a empresa.
  • Por que acha que devemos contratá-la? Conte como pode, com seu desempenho, gerar lucros para a empresa.
  • Você é capaz de trabalhar sob pressão e com prazos definidos? Use bons exemplos. Liste as cinco maiores realizações de sua carreira.
  • Qual o seu ponto forte? Fale de características universalmente desejadas: entusiasmo, persistência, dedicação, responsabilidade e competência técnica.
  • Qual seu ponto fraco? Nunca mencione algo muito negativo. Responda coisas positivas, como ser exigente demais.
  • De quanto tempo precisa para trazer uma contribuição para nossa empresa? A partir do primeiro dia, e cada vez mais, conforme for conhecendo melhor a organização.
  • Quanto tempo pretende ficar conosco? Enquanto houver oportunidade para crescer e contribuir com a empresa.
  • Que acha de seu chefe anterior? Não fale mal. Diga algo como “acho que é um profissional competente”.
  • Que você não gostava no seu emprego anterior? Diga que gostava. Não se queixe.
  • Prontifica-se a substituir seu chefe? “Sem dúvida, sou ambiciosa e quero crescer”.
  • Você é um líder? Ajudou a aumentar lucros? Ajudou a reduzir custos? Responda objetivamente, com resultados.
  • O que seus subordinados pensam de você? “Sou respeitada e admirada”
  • Já admitiu funcionários? O que considera importante num colaborador? Competência, dedicação, boa índole e entusiasmo.
  • Já demitiu funcionários? Cite o último caso. Prefira um caso positivo.
  • Fale sobre você. Seja sucinta e foque nos resultados. Não trate da vida pessoal.
  • Com que tipo de pessoa você tem dificuldade para trabalhar? Diga que se adapta às necessidades e se relaciona facilmente com todos.
  • Quais são as decisões mais difíceis para você? Mostre que é capaz de tomar as decisões necessárias de forma lógica. Mas, como ser humano, as decisões mais difíceis são aquelas que envolvem a vida dos subordinados.
  • Se pudesse começar tudo de novo, que faria diferente? Mostre que é uma pessoa segura e diga que não mudaria nada de essencial.

Perguntas que você pode fazer ao entrevistador:

  • Quais são os objetivos da empresa?
  • Como a organização está mudando na empresa?
  • Como essas mudanças vão afetar o trabalho para o qual estou sendo considerada?
  • Quais os resultados que a empresa espera do ocupante do cargo?
    • Quais as qualificações necessárias para ter um bom desempenho nesse cargo?
  • O que você desejaria ver no novo ocupante desse cargo?

Outros cuidados a tomar:

  • Chegue cedo e aproveite o tempo de espera para repassar mentalmente sua estratégia.
  • A aparência deve ser impecável e formal (veja sugestões no post “Qual look escolher? O que vestir em uma entrevista de emprego?”)
  • Dê um aperto de mão firme, nem muito forte nem muito fraco.
  • Sorria. Seja agradável, mas não informal.
  • Mire no entrevistador. Não desvie o olhar.
  • Responda às perguntas com entusiasmo.
  • Mantenha a postura ereta na cadeira.
  • Durma bem na noite anterior.

Escute o entrevistador para detectar o que ele quer.

  • O que não fazer:
  • Não leve outra pessoa com você.
  • Não fume. Há empresas que discriminam fumantes,
  • Não peça desculpas na hora de falar de seus pontos fracos.
  • Nunca use óculos escuros.
  • Evite a curiosidade de olhar o que está sobre a mesa do entrevistador.
  • Não conte piadas.
  • Não entre no mérito de discussões sobre religião, política ou futebol.

 

Deixe uma resposta

avatar
  Se inscrever  
Notificar de